quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Da longa série "Pedro Passos Coelho, mais uma herança de milhares de mentiras e de milhões"


Um documento técnico divulgado pela Direcção-Geral de Economia e Finanças da Comissão Europeia adverte para a possibilidade de os contribuintes portugueses virem a suportar eventuais perdas do Novo Banco, cenário que o Governo tem rejeitado. Confirma-se o que escrevi, por exemplo, aqui: vamos pagar mais um banco. Falta confirmar que o Governo já tem acordado o aumento de impostos para depois das eleições que Catarina Martins denunciou no comício de anteontem em Coimbra. A PAF vai à frente nas sondagens, Passos Coelho é o preferido dos portugueses para sucessor de si próprio. Raio de povo este que mais facilmente confia o poder a mentirosos compulsivos do que dá a força do seu voto a quem sempre o defende incondicionalmente com tudo o que tem.

2 comentários:

fb disse...

Um documento técnico divulgado pela Direcção-Geral de Economia e Finanças da Comissão Europeia adverte para a possibilidade de os contribuintes portugueses virem a suportar eventuais perdas do Novo Banco, cenário que o Governo tem rejeitado. Confirma-se o que escrevi, por exemplo, aqui. Falta confirmar que o Governo já tem acordado o aumento de impostos para depois das eleições que Catarina Martins denunciou no comício de anteontem em Coimbra. Raio de povo este que mais facilmente confia o poder a mentirosos compulsivos do que dá a força do seu voto a quem sempre o defendeu incondicionalmente com tudo o que tem.

Anónimo disse...

Daniel Bessa: «O regime mudou no dia do ‘não’ a Salgado