quarta-feira, 6 de maio de 2015

O mundo ficou mais pobre


Não entendo o jornalismo como um poder mas como um serviço. Daí ele ser aristocrata: saber que podemos muito mais do que nos permitimos, por respeito pelo público”. Assim era o Oscar Mascarenhas que aprendi a admirar. Um ataque cardíaco encarregou-se de fazer acontecer a perda irreparável do dia. Que descanse em paz.

1 comentário:

fb disse...

“Não entendo o jornalismo como um poder mas como um serviço. Daí ele ser aristocrata: saber que podemos muito mais do que nos permitimos, por respeito pelo público”. Assim era o Oscar Mascarenhas que aprendi a admirar. Um ataque cardíaco encarregou-se de fazer acontecer a perda irreparável do dia. Que descanse em paz.