quarta-feira, 14 de maio de 2014

Parabéns, senhor Platini



Seria a terceira vitória da época em três possíveis, mas o Benfica acaba de perder a sua segunda final europeia consecutiva, esta contra o Sevilha, na lotaria das grandes penalidades. Sou da opinião que os erros de arbitragem fazem parte da alegria do futebol. Também sei que é feio perder e responsabilizar o árbitro pela derrota. Não o farei. Apenas constato que se duas expulsões e três penalties são um absurdo,ver um árbitro de uma final europeia permitir que o guarda-redes do Sevilha se adiante três passos para defender o penalty do Cardozo, quando apenas lhe é permitido movimentar-se ao longo da linha de baliza, parece-me o cúmulo dos cúmulos. Nunca tinha visto uma final com erros de arbitragem até no desempate por grandes penalidades. Perder é sempre mau mas aceita-se. Perder assim é inglório. Venha a terceira final de uma época que mesmo sem a conquista do lugar nesta final já excedia os prognósticos mais optimistas. Parabéns ao Sevilha, parabéns ao Benfica, mas sobretudo parabéns ao senhor Platini e àquela espécie de árbitro da final de hoje. Não é nenhuma tragédia. Para o ano há mais. Viva o Benfica.

1 comentário:

Anónimo disse...

É verdade. Foi um árbitro à medida para castigar o Benfica, ganhámos aos italianos tinha-mos obrigatoriamente que perder para os espanhóis. Mas também fomos muito perdulários nas oportunidades criadas e foram muitas, portanto para o ano há mais depois de ganhar-mos domingo claro.