quarta-feira, 23 de outubro de 2013

O Pedro diz que não tem amigos


Passos Coelho repudiou a acusação de Jerónimo de Sousa, que disse que o Governo só tem mãos largas para os amigos ao criticar as políticas do Governo que só “servem os grandes”, dando como exemplo as ajudas à banca, em especial ao Banif, que mais tarde Passos Coelho não negou poder vir a ser um novo BPN. “Ó senhor deputado, eu não tenho amigos”, replicou  Passos Coelho, sem chorar. Logo ele, que não há nenhum banqueiro que não o defenda. Logo ele, que chamou piegas aos portugueses há tão pouco tempo. Logo ele, que verá tantos portugueses a gritar o seu nome em tantas cidades de todo o país no próximo Sábado. Amélia.

Sem comentários: