terça-feira, 11 de junho de 2013

Dois minutos apenas


Os nossos canais de televisão passam por ela como se fosse uma notícia que não tem nada que ver connosco. E tem. Tudo. Dois minutos apenas para noticiar que amanhã a Grécia será o único país da Europa sem serviço público de Rádio e Televisão. O Governo grego anunciou o seu encerramento temporário durante um período de estudos com vista à sua reestruturação que não podiam fazer-se com a estação a funcionar por haver perigo de informação da opinião pública sobre o crime que o Governo grego ali cometerá. São mais de 2500 despedimentos num país com mais de 25% de desemprego, ou seja, sem pestanejar, premeditadamente, o Governo grego decidiu empurrar mais 2500 pessoas directamente para os braços da fome. A austeridade pode chegar até aqui. A democracia pode suspender-se até aqui. Nada a ver connosco, portanto. Foram dois minutos apenas porque, como toda a gente está fartinha de saber,  Portugal não é a Grécia.

Sem comentários: