quarta-feira, 12 de junho de 2013

Aulas práticas sobre voto útil: parcerias



A consultora contratada pelo Governo para avaliar os swaps nas empresas públicas propôs a liquidação de dois produtos subscritos pela Refer, tendo-os classificado como complexos, revela o relatório do IGCP entregue segunda-feira no Parlamento. Numa escala de um a cinco (sendo o cinco o patamar de maior complexidade), a Stormharbour deu uma pontuação de quatro e de três aos instrumentos vendidos pelo Bank of America e pelo JP Morgan, quando a actual secretária de Estado do Tesouro era directora financeira da empresa. (ler mais)

Sem comentários: