segunda-feira, 18 de março de 2013

Palavras para o vento levar


Os portugueses “podem estar tranquilos” porque a tributação bancária “excepcional” a Chipre “não é transponível para outros países”, disse nesta segunda-feira o governador do Banco de Portugal (BdP), Carlos Costa, salientando que Portugal tem um sistema financeiro estável e capitalizado. Tem? E quer dizer que se por cá acontecer a mesma coisa podemos ir bater à porta do Sr. Costa, é isso? Duas perguntas de resposta não. O sistema financeiro português continua com activos registados nos seus balanços com valores muito acima dos praticados no mercado, como é o caso dos imóveis que não conseguem vender precisamente por esse motivo. Quanto à afirmação, ela não torna Carlos Costa responsável por qualquer dano de forma rigorosamente nenhuma. Nem civil, nem criminal, nem financeira e muito menos política. O que disse foram palavras para o vento levar.

1 comentário:

fb disse...

Os portugueses “podem estar tranquilos” porque a tributação bancária “excepcional” a Chipre “não é transponível para outros países”, disse nesta segunda-feira o governador do Banco de Portugal (BdP), Carlos Costa, salientando que Portugal tem um sistema financeiro estável e capitalizado. Tem? E quer dizer que se por cá acontecer a mesma coisa podemos ir bater à porta do Sr. Costa, é isso? Duas perguntas de resposta não. O sistema financeiro português continua com activos registados nos seus balanços com valores muito acima dos praticados no mercado, como é o caso dos imóveis que não conseguem vender precisamente por esse motivo. Quanto à afirmação, ela não torna Carlos Costa responsável por qualquer dano de forma rigorosamente nenhuma. Nem civil, nem criminal, nem financeira e muito menos política.