sábado, 3 de novembro de 2012

Austeridade para sempre


Este Sábado, durante o congresso regional da CDU em Sternberg, Norte da Alemanha, Angela Merkel pediu austeridade aos parceiros europeus para os próximos cinco anos, ou seja, um ano que lhe resta de mandato e mais quatro do mandato seguinte, caso venha a ser eleita. A Europa desmorona-se, a pobreza e o desemprego alastram, a economia implode. E a Europa de Merkel não tem mais nada para oferecer aos cidadãos europeus do que decretar mais pobreza, mais desemprego e menos direitos sociais para toda a eternidade. A realidade radicaliza-se. Será ou a UE ou Merkel. Tornaram-se incompatíveis. Foi para isto que aderimos à CEE? Não foi. Que vantagens temos em permanecer numa União Europeia que nada tem para nos oferecer? Responda quem souber.

2 comentários:

Facebook shar disse...

Este Sábado, durante o congresso regional da CDU em Sternberg, Norte da Alemanha, Angela Merkel pediu austeridade aos parceiros europeus para os próximos cinco anos, ou seja, um ano que lhe resta de mandato e mais quatro do mandato seguinte, caso venha a ser eleita. A Europa desmorona-se, a pobreza e o desemprego alastram, a economia implode. E a Europa de Merkel não tem mais nada a oferecer aos cidadãos europeus do que decretar mais pobreza, mais desemprego e menos direitos sociais para toda a eternidade. A realidade radicaliza-se. Será ou a UE ou Merkel. Tornaram-se incompatíveis. Foi para isto que aderimos à CEE? Não foi. Que vantagens temos em permanecer numa União Europeia que nada tem para nos oferecer? Responda quem souber.

Anónimo disse...

Acho que a coisa mais importante para o nosso país é sair da UE o mais rápido possivel.
Com uma UE destas não há UE que nos salve.
Tenhdo dito.