sexta-feira, 18 de maio de 2012

Bocejo

“Uma grande operação conduzida pelo juiz Carlos Alexandre levou a desmantelar uma rede de fuga ao fisco e de lavagem de dinheiro que operava em Portugal”, lê-se aqui. Ao que se diz, a dita rede fazia circular milhares de milhões de euros num triângulo com vértices no sector financeiro suiço, no BPN de Cabo Verde e, claro, Portugal. O interesse da notícia tem ainda o envolvimento de “empresários, advogados e alguns políticos” a jogar a seu favor. E tudo isto com Dias Loureiro e capangas de bolsos a rebentar de cheios por acusar e julgar e Isaltino condenado, comodamente à espera que lhe dêem ordem de prisão. Da utilidade das secretas neste alegado “desmantelamento”, nem ouvir falar. Duarte Lima, parece prémio pelo envolvimento com final heróico na dita rede "desmantelada", foi transferido para o conforto do seu lar  com uma linda pulseira electrónica paga pelos contribuintes que lesou em milhões. Estes carnavais dão-me cá um sono.

(actualizado)

Sem comentários: