sábado, 31 de março de 2012

À vontade do freguês

  1. Apenas dois em cada dez suspeitos detidos pelas polícias portuguesas ficaram presos. Crimes praticados por associações criminosas aumentaram 26% no ano passado. Os assaltos violentos na via pública por esticão tiveram recrudescimento de 21%. São dados do Relatório Anual de Segurança Interna. Este é um dos assuntos em destaque na edição de hoje do DN. (DN)
  2. A criminalidade geral participada às forças de segurança (PSP, GNR e PJ) diminuiu em 2011 2% relativamente ao ano anterior uma redução menos visível nos crimes violentos e graves que decresceram apenas 1,2%. Os números foram anunciados há pouco pelo juíz-desembargador Antero Luís, secretário-geral do Sistema de Segurança Interna (SSI), numa conferêcia de imprensa. (Público)

1 comentário:

Anónimo disse...

A propaganda do costume. Onde se meteu o Portas das polícias?