terça-feira, 13 de março de 2012

Aulas práticas sobre voto útil: rigor, despesismo, ilegalidade

A Associação Sindical dos Juízes Portugueses (ASJP) informou ontem, em comunicado, que vai pedir a notificação pessoal do ministro da Defesa Nacional, José Pedro Aguiar Branco, para que este cumpra a intimação judicial que obrigou o seu ministério a apresentar os documentos que regulamentam o uso de cartões de crédito, telefones de uso pessoal e o pagamento das despesas de representação. “Vamos] comunicar ao Tribunal Administrativo o incumprimento da decisão por parte do Ministério da Defesa Nacional e requerer a notificação pessoal do senhor ministro para dar cumprimento à intimação judicial com as cominações previstas na lei", escreve a associação em comunicado.


1 comentário:

bombista não-suicida disse...

Quer-me parecer que estes não almoçam juntos... ou então são de partidos diferentes... daqui por uns tempos já ninguém se lembra!