sexta-feira, 23 de março de 2012

Assim não dá

Um relvado em péssimo estado, uma equipa a acusar fadiga e um adversário com um autocarro estacionado em frente à sua baliza seriam condimentos mais do que suficientes para um péssimo espectáculo de futebol, que quase seguramente terminaria num empate a zero, como acabou por terminar o Olhanense – Benfica desta noite. Seria mau, mas seria aceitável. Acontece, porém, que este foi mais um jogo com uma arbitragem habilidosa. João Capela, o nome do senhor, permitiu que o Olhanense recorresse a todo o tipo de anti-jogo e apostou em compensar as jogadas com a mão e todo o tipo de faltas dos algarvios, que toda a gente viu menos ele, com o amarelo que não hesitou em mostrar a Emerson e o vermelho directo que, com menos dúvidas ainda, exibiu a Aimar sem outra justificação possível que não a da sua contribuição para os dois pontos que o Benfica deixou no Algarve e o descanso dos dois jogadores encarnados por pelo menos uma jornada, a próxima, contra o Sp. Braga. Assim não dá. O Benfica foi roubado outra vez.

6 comentários:

Jota disse...

Roubado? O Aimar agride o jogador do Olhanense com uma "patada", o Saviola faz o mesmo um quarto de hora depois e deveria ter vindo para a rua, mas era de mais...
V. Exa. viu o jogo que o seu clube fez. O único remate de jeito foi aos 85 minutos.
Vai-me dizer que foi o JNPC. Mas não se esqueça de uma coisa, este foi o árbitro que, para além de outras escandaleiras, não viu um penalty nítido do Maurício sobre o Hulk neste mesmo estádio, o FCP empatou a zero. Eram +2 pontos.

Anónimo disse...

aprende a ver futebol. Tira as palas vermelhas.

Kapa disse...

No jogo anterior do Olhão o árbitro habilidosamente expulsa 3 jogadores fundamentais da equipa algarvia, um deles o nosso Wilson Eduardo (só o melhor marcador da equipa) e tu vens com essa conversa do roubo. Fica asaber que o Saviola devia ter ido pelo mesmo caminho. Pelos vistos, o Javi García anda a dar horas extraordinárias no Seixal: como dar coices e sair impune, só que desta vez escapou a parte do impune... Azar, diria alguém que eu conheço. Clube de saloios, cujo padrão é o treinador.

Anónimo disse...

BAHHH ! para ler estas baboseiras, só através do link do jornal Público...
Jogaram pouco e mal...!

Filipe Tourais disse...

Concordo, jogaram pouco e mal. E aceitá-lo-ia com desportivismo. Mas fomos outra vez roubados. Isso não aceito. Niném de nenhum clube o aceita quando é o seu clube a ser roubado. Se discordamos quanto às avaliações das arbitragens que fazemos porque temos todos palas de cores diferentes, isso já são outros quinhentos. Mas não nos vamos chatear por isso, ou vamos? Todos queremos arbitragens melhores e todos nos queixamos de arbitragens que sentimos prejudicaram o nosso clube.

v.nunes disse...

Arbitragens melhores? O Passos Coelho disse que o governo está atratar disso.