quinta-feira, 10 de novembro de 2011

A solução final na RTP

"Saio porque não assino nenhum documento que não considera a informação o eixo estruturante do serviço público e porque algumas das sugestões que estão incorporadas no documento colidem com aquilo que defendo para o serviço público", declarou. "Fico boquiaberta perante um documento que propõe a redução da informação na RTP", disse, sublinhando que "qualquer tese que vá no sentido do encerramento da RTP Informação contará com a minha oposição".


A demissão de Felisbela Lopes, a terceira no grupo de trabalho que o Governo nomeou para a definição do conceito de serviço público de comunicação social, a denunciar o esvaziamento defendido por quem tem como propósito final o desmantelamento de tudo o que seja público.

Sem comentários: