sexta-feira, 17 de junho de 2011

Subir na vida

De homem de confiança do Bloco de Esquerda que encabeçou a lista às autárquicas em Lisboa a defensor da utilidade pública de um megapiquenique com Tony Carreira como cabeça de cartaz que irá paralisar a capital por vários dias. José Sá Fernandes é agora um homem da cultura.

Sem comentários: