domingo, 29 de maio de 2011

Manuela às voltas com a inimiga democracia (II)

Manuela Ferreira Leite, que este sábado se juntou à caravana do PSD, em Barcelos, atacou violentamente o ainda primeiro-ministro e confessou que pessoalmente não ficará “tranquila” com José Sócrates na oposição. Outra lição de democracia daquela que gostaria de suspendê-la para “pôr tudo na ordem”. Manuela sentir-se-ia mais segura com Sócrates trancado na despensa lá de casa e, já que estamos nisto, quem sabe com Francisco louçã trancado na garagem e com Jerónimo de Sousa na arrecadação. É um perigo confiar o voto a quem depois não sabe o que fazer com o poder que lhe é dado pela democracia.

1 comentário:

Anónimo disse...

Isto é mesmo de partir o côcô a rir.
Então esta sra e os seus compinchas de partido que se têm farto de fazer mal a este país ainda tem a lata de dizer que não se sentirá bem com o Socrates mesmo na oposição.?
Eu não voto Socrates mas acho incrivel e demonstrativo da qualidade da sra ela ter a lata de dizer uma coisa destas.
Não há dúvida que isto precisa mesmo de uma barrela geral.
Correr com toda esta gente que não vale nada (politicamente falando, claro)é de facto um imperativo nacional.