sábado, 15 de janeiro de 2011

Uma excelente notícia

Foi um golpe palaciano, mas o que o provocou foi a revolta dos tunisinos, que nem o discurso do Presidente Zine El Abidine Ben Ali, na quinta-feira à noite, a assegurar que não se recandidatava e a prometer reformas democráticas e o fim da censura, calou. Após 29 dias de revoltas de rua, a ditadura tunisina caiu, 23 anos depois. Esta sexta-feira os tunisinos saíram à rua em Tunes às dezenas de milhares. Em resposta, Ben Ali demitiu o Governo. Pouco depois, o Governo anunciava que o general estava “temporariamente incapacitado de exercer as suas funções”. Mais ou menos os termos usados por Ben Ali há 23 anos, quando afastou Habib Bourgiba no que ficou conhecido como “golpe de Estado médico”. É o primeiro ditador árabe desde Saddam Hussein a cair.

Sem comentários: